Home / Blackcine / Projeto 365 – Dia 91 – The Boxtroll

Projeto 365 – Dia 91 – The Boxtroll

Dia 27 de setembro eu publiquei aqui no Blackcine o trailer do filme The Boxtroll, desde então, devido a informação de que são os mesmos produtores de “Coraline” e “Paranorman”, fiquei ansioso para ver. Além de ansioso, minhas expectativas estavam bem altas, o que geralmente não é algo bom, pois na maioria das vezes saio decepcionado e/ou arrependido de esperar o filme. Pois dessa vez isso não aconteceu.

Antes de falar do filme, ainda sobre a ansiedade de vê-lo, postei aqui o making of, algo que é absurdamente lindo e encantador, digno de chamar a atenção pelo primor e zelo que deram ao filme.

Dito isso, vamos ao filme.

O primeiro elemento a observar é a parte técnica, reparar nos detalhes do figurino e dos cenários é muito fácil, pensar que aquilo tudo foi feito a mão por um processo artesanal e um carinho imenso, deixa uma sensação agradável de gostar desse filme.

A história também é acalentadora, fazendo muitas analogias, e utilizando de metáforas para representar nossa sociedade atual, o enredo é extremamente denso e pesado, tendo um fundo bem crítico, apenas sendo aliviado pela roupagem infantil que esse tipo de animação ganha.

Eggs-and-Winnie-the boxtroll

Os personagens são interessantíssimos, desde todos os Boxtrolls, que são seres incompreendidos e tímidos, até “Ovo” e “Winnie”, uma dupla de crianças que vão demonstrando suas personalidades e forças, sendo capazes de mudar o rumo da história. Também há coadjuvantes que merecem ser citados, a começar pelo pai de Winnie que prefere seu status à própria filha, algo que o filme demonstra bem e enfatiza para criticar a sociedade das aparências. Archibald Snatcher, o vilão da história, apresenta um personagem rústico e alucinado por uma ascensão social, algo que o leva a tomar atitudes surpreendentes dentro do filme, todas negativas…Os comparsas de Archibald também são figuras atraentes, pois ficam o filme inteiro questionando se suas atitudes são virtuosas, fazendo uma reflexão clara para as religiões e o medo que as pessoas tem de serem julgadas.

Resumindo, dentro de uma animação extremamente complexa na parte da execução, existe muitas histórias, uma melhor que a outra, deixando “The Boxtroll” com muitos motivos para se assistir e admirar.

PS: Assista com bastante atenção, cada detalhe desse filme vale a pena 😉

The-Boxtrolls-Love egg winnie

Comentários

comentários

About Celso Bove

Celso Bove Publicitário, Webdesigner, Blogueiro, fotógrafo, amante de todos os tipo de arte, em especial cinema. Fundador do Blackcine.

Leave a Reply

Your email address will not be published.