Home / Projeto 365 / Projeto 365 – Dia 85 – Um homem de família

Projeto 365 – Dia 85 – Um homem de família

“O que deixa você realmente feliz?”- Você sabe responder?

“Um homem de família” é mais um dos muitos filmes que hollywood produziu com a temática natalina, mas, o que torna esse filme especial ou que mereça um olhar mais atento? O que diferencia ele dos outros filmes com carga emocional alta e que faz as pessoas se emocionarem nessa época do ano?

O primeiro bom detalhe da obra é a construção do personagem principal. Um homem ambicioso e que simboliza o capitalismo com suas essências mais perversas. Até aqui nenhuma novidade, sempre começam assim esses filmes de natal. Porém, daqui em diante vão aparecendo traços interessantes desse personagem, pequenas cenas que vão nos mostrando como pensam e como agem essas pessoas frias e com talento para negócios gigantescos. Cenas que mostram o homem agindo por pura libido, e concentrando toda sua energia em acumular riquezas e mais riquezas, para criar uma persona de aparência perfeita e ser invejado por pessoas que ele não conhece.

The_Family_Man_nicolas cage

Como se não bastasse, ainda serão apresentadas frases que compararão o amor a um negócio bancário, fazendo o espectador se interessar por tamanho absurdo e atrair a atenção para observar o filme, mas principalmente a si mesmo. Uma frase para exemplificar: “Amor é que nem juros, uma hora você esquece de pagar e eles morrem sozinhos…”

Após isso, o filme propõe uma troca de vidas, algo bem normal nesses tipos de resolução natalina. Aqui, os “espíritos” do natal serão representados apenas por um homem, que de maneira misteriosa apresentará ao nosso personagem como seria a vida dele caso tivesse tomado outro rumo, criando um paradoxo temporal e fazendo a história viajar por dimensões paralelas. (Sim, outro detalhe bem comum nesses filmes)

O detalhe para diferenciar estão nos figurinos, cenários e os atores coadjuvantes. Pequenas detalhes que apresentam facilidades para entender a história e colocar a real sensação que cada vida paralela tem a oferecer. Aos poucos vão aparecendo ensejos e frases interessantes para história, algo que tornará esse filme mais rico do que os especiais de natal da sessão da tarde.

A trilha merece uma observação a parte, pois por horas ela é divertida e em outros momentos dramática, algo que a torna sempre presente e lhe ajudará a se emocionar, o que não gosto muito, mas que encaixa na história, então não entra nem como um ponto positivo nem como um ponto negativo.

O fato é que a história lhe ajuda a fazer reflexões e a valorizar o que já conquistou. E como sempre digo nos textos aqui do blog, o que diferencia um filme bom de um ruim é a mensagem que ele quer passar, e esse passa a mensagem de que devemos amar todos os dias, seja na dificuldade, nas alegrias ou nas decisões, pois isso nos ajudará a trilhar um bom caminho, uma mensagem positiva e que fecha muito bem a obra, nos ajudando a responder a questão que inicia esse texto.

Comentários

comentários

About Celso Bove

Celso Bove Publicitário, Webdesigner, Blogueiro, fotógrafo, amante de todos os tipo de arte, em especial cinema. Fundador do Blackcine.

Leave a Reply

Your email address will not be published.