Home / Estreias / Projeto 365 – Dia 169 – A Garota dinamarquesa

Projeto 365 – Dia 169 – A Garota dinamarquesa

“Não importa o que eu estou vestindo. Quando eu sonho, são os sonhos da Lili”

Sinopse: Cinebiografia de Lili Elbe (Eddie Redmayne), que nasceu Einar Mogens Wegener e foi a primeira pessoa a se submeter a uma cirurgia de mudança de gênero. Em foco, o relacionamento amoroso do pintor dinamarquês com Gerda (Alicia Vikander) e sua descoberta como mulher.

Opinião: Mesmo depois de sua excelente atuação em “A Teoria de Tudo”, em que deu vida ao físico Stephen Hawking, Eddie Redmayne não era o favorito a receber o Oscar de melhor ator em 2015. Ele não só ganhou o prêmio como se tornou o novo queridinho do público. É compreensível, então, que a notícia de que ele interpretaria a transexual Lili Elbe, em “A Garota Dinamarquesa”, fosse recebida com grande expectativa. E, em minha opinião, ele a superou.

Eddie prova novamente que é um ator de desafios, que incorpora seu personagem inteiramente, tornando até difícil distinguir quem é quem. Sua Lili passa por nítidas transformações ao longo do filme. Ainda no corpo masculino, é possível perceber, em pequenos detalhes, o quão atento e sensível ele era em relação ao universo feminino – do ato de dobrar a blusa da esposa ao borrado do batom que ele enxerga e insiste em consertar.

the danish girl

Apesar de saber que existe algo diferente consigo, Einar parece feliz ao lado de Gerda. São pintores, têm seus hábitos, um círculo social. Ela, apesar de frustrada por não conseguir que suas obras fossem reconhecidas como as do marido são, é forte o suficiente para apoiá-lo e aguardar seu momento.

O amor, a persistência e coragem de Gerda são fundamentais no processo de aceitação e transição de Einar para Lili. Ela sofre ao perceber os reais desejos do marido, mas não o abandona e segue ao seu lado, das descobertas até a cirurgia de mudança de sexo.

Gerda (Alicia Vikander)

Alicia Vikander “compete” de igual para igual com Redmayne no quesito atuação. Em todas as fases da trama ela emociona, consegue trazer à tela uma mulher racional e sensível ao mesmo tempo, que luta para entender e conviver com uma nova realidade.

A bela Dinamarca ao fundo e a trilha sonora delicada são a cereja do bolo para essa história interessantíssima, forte e comovente. Tem cheiro de Oscar.

Comentários

comentários

About Juliana Gomes

One comment

  1. Seeing the video,I tried floating with my head back to the wa1#8.I&er2t7;m glad I could successfully do it ,flipping my legs all the while.In the video you advise not to pull the head and the chin a little too backwards.But if I do not do it then my head tends to sink in water and it is difficult to breathe.I s back stroke a good exercise also for the muscles? compared to the front crawl it requires less effort.thanks for your prompt advise.

Leave a Reply

Your email address will not be published.