Home / Clássicos / Projeto 365 – Dia 134 – Picolino

Projeto 365 – Dia 134 – Picolino

– “Você sabe o que é um trovão?”
– “Claro que sei, é algo do ar…”
– Não, não, não…Quando uma nuvem desorientada se cruza com uma nuvem bonita, ele (a nuvem) se aproxima dela (a outra nuvem). Ela foge e ele corre em direção a ela. Ela grita um pouco, depois eles se encontram, e aí ocorre uma explosão, ou um beijo se preferir.”

Com esse pequeno diálogo abro o texto desse filme de 1935, ao qual Fred Astaire vive um galantador dançarino que tenta conquistar a difícil Ginger Rogers.

fred astaire picolino

Essa relação entre os dois gera um certo desconforto por conta de alguns mals-entendidos, criando um roteiro de uma hora e meia aonde lembraremos, e muito, as novelas da rede Globo e companhia. Antes que me julguem ou venham falar qualquer coisa, isso é uma crítica às nossas novelas, e não ao filme, já que a temática utilizada nesse filme é muito moderna para a época, pois se tinha trama e conflitos emocionais, algo que atraia e prendia a atenção, diferente das novelas de hoje aonde esse tipo de roteiro já está completamente desgastado e ultrapassado.

Tendo em vista isso, podemos colocar esse filme dentro das listas de cinema referencial, aqueles que podemos sempre pinçar alguma coisa e aplicar nos dias de hoje, ou até que já o fizeram em um passado mais recente. Além da temática, esse filme ainda nos brindas com cenas maravilhosas de dança (vou colocar uma aqui embaixo) e músicas que marcaram época.

Podemos citar também o primor com que os cenários foram filmados, a qualidade dos diálogos, hora ácidos hora sarcásticos, a metaliguagem utilizada para validar as cantorias e danças no meio da trama, entre outros detalhes de tirar o fôlego.

Portanto, ao assistir o Picolino (ou Top Hat, título original), a sensação que fica é a de sair de uma aula. Não uma aula qualquer, mas aquela que você ama, com o melhor professor da melhor matéria, dando-lhe a certeza de que aprendeu muito, divertiu-se, e ainda se encantou com um amor que só encontramos em filmes (pra ajudar, tudo isso em preto e branco com Veneza de fundo, Magnific!).

Comentários

comentários

About Celso Bove

Celso Bove Publicitário, Webdesigner, Blogueiro, fotógrafo, amante de todos os tipo de arte, em especial cinema. Fundador do Blackcine.

Leave a Reply

Your email address will not be published.